Loading

ISABEL MORAIS RIBEIRO FONSECA

castelafonseca@sapo.pt

ENSINA-ME

ENSINA-ME

Ensina-me o verbo amar
Ensina-me a parir palavras
Ensina-me a desejar-te
Ensina-me o murmúrio das pedras
Ensina-me a sentir as gotas da chuva

Ensina-me a voragem dos rios
Ensina-me a perdoar sem lamentos
Ensina-me o ritmo das plantas
Ensina-me a ver com intensidade a lua
Ensina-me a dança dos ventos

Ensina-me a quietude do mar
Ensina-me a ter sempre coragem
Ensina-me o uivar dos lobos
Ensina-me a não ter medo de perder
Ensina-me o turbilhão das marés

Ensina-me a amar o cheiro a terra molhada
Ensina-me a amar-te sem segredos
Ensina-me a sentir o fogo da paixão
Ensina-me a saborear a fruta fresca

Ensina-me a escutar-te se precisares
Ensina-me a ver o pássaros do céu
Ensina-me a leveza do trigo a crescer
Ensina-me a amar quem não me ama.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca