Loading

ISABEL MORAIS RIBEIRO FONSECA

castelafonseca@sapo.pt

SANGRAM

Sangram as palavras
Em silêncio na minha alma
Quando por ti chamo em segredo
Sangram as rosas
Por não saberem a paixão
Que sinto por ti
Sangram os amantes
Que dizem coisas que não sentem
Sangram no peito
Todas as palavras que ferem a alma

Mia Rimofo